maio 05, 2009

Criciúma - uma droga traz a outra


.
Enquanto no Brasil e em outros países se discute a não criminalização da maconha, um relatório divulgado pela ONU, afirma que a droga funciona como uma porta de entrada para outras drogas. Vale lembrar, n
a verdade, que a primeira droga, o começo de tudo, é o velho e bom cigarro temperado com uísque ou vodka. Depois vem o pior.
.

.
Que sirva de alerta. Primeiro trouxemos o Roberto Jefferson, político corrupto que se fosse droga seria um Derby (cigarro de estivador) com doses garrafais de uísque ruim e vodka péssima. Veio dar palestra aqui e foi aplaudido de pé. Agora vem o Belo, preso, condenado por associação ao tráfico, formação de quadrilha, o escambau. O Belo, mais barra pesada que o Jefferson, seria maconha se fosse droga. Pois o Belo está vindo pra cá trazer a droga da música dele bem como o lindo exemplo que ele próprio representa como pessoa. E vai estar assim de lulus e garotões aplaudindo ele de pé.
O relatório da ONU parece feito para Criciúma. Jefferson na pele de um cigarro com overdose de uísque ou vodka primeiro, Belo canabis (que todos em PutzGraça consideram intragável) em seguida e... o que virá depois? Fernandinho Beira-Mar? Palestra com o PCC Marcola?
.

.
O pior é que não adianta falar. Quando o vício domina, o velho papinho "essa droga só vai te trazer vergonha" causa menos efeito que a própria. Se ficarmos só no Belo tá bom, pelo menos no caso dele parece que a justiça já está aliviando.

.

4 comentários:

  1. Bom,já esteve por aqui a Taty quebra-barraco,ou seja,droga pesadissíma.Seria Cristal Met?

    ResponderExcluir
  2. " A glória da amizade não é a mão estendida, o sorriso carinhoso e a delícia da companhia. É a inspiração espiritual que vem quando descobre que alguém acredita e confia em você ".
    Um beijo
    "MY ANGEL"

    ResponderExcluir
  3. Como disse dia desses, Ricardo Chicuta no meu blog: Estou desacorçoada com as músicas que tocam nas festas de nossa cidade.

    O point de domingo atual chama como? PAGODE! E o que é que toca lá??? PAGODE!

    Assim fica mesmo difícil acreditar em algo diferente do que trás o blog hoje. É fato: uma droga leva a outras.

    PAGODE, NEM MORTO!

    P.S: Estão todos bem depois dos tabefes de ontem? hehehe

    ResponderExcluir
  4. Belo nao eh cannabis, pois nao expande a mente nem faz questionar a nossa existencia. Belo ta mais pra COCA (que a alta sociedade criciumense NAO GOSTA né? quase nada...), ou uma pinga de garrafa de plastico.
    Nao podemos negar o direito dele de fazer shows, mas a divulgaçao gloriosa que foi transmitida deveria ser proibida. rede globo rede globo, colaborando por um pais mais branco e mais burro.

    ResponderExcluir